A Garota dos pés de vidro.

Ida, uma garota aventureira vai passar férias de verão com os amigos em uma pequena ilha chamada St. Hauda's Land, mas enquanto ela andava sozinha pela costa acabou conhecendo um peculiar homem... Henry Fuwa; estatura mediana, cabelo grisalho e bagunçado, óculos de haste grossa e barba para fazer. Depois de um pequeno acidente envolvendo Henry e um ciclista, Ida o chama para beber algo em um pub que ficava perto. O que, Ida não sabia é que a pequenina caixa que Henry segurava continha duas minúsculas vacas com asas de inseto... Mas será que Ida acredita nesta espécie? Ou quem sabe em um animal que transforma tudo o que vê em branco puro? Será que Ida acreditaria em corpos de vidro no pântano? Ou será que Henry apenas tomou bastantes doses de gim?

Ida volta para sua cidade natal e quando está fazendo seus exercícios matinais e escutando seu bom e velho hip-hop, sente algo machucando seu pé, uma farpa talvez. Chegando em casa,  no banho percebe que esta "farpa" ainda não saiu, ao olhar vê um pequeno pedaço de vidro dentro de seu pé, não era uma farpa e não, Henry não havia tomado bastantes doses de gim...O vidro agora fazia parte de seu pé, aquele pequeno pedaço de vidro agora era o seu pé.

Ida retorna a St. Hauda's Land em busca daquele peculiar homem Henry Fuwa, já que estava em seu perfeito estado quando a contou sobre os corpos de vidro, deveria saber a resposta e a cura. Ao retornar, fica na casa de um amigo de sua mãe - um ex-namorado- que com a semelhança entre Ida e a mãe vê nela uma possibilidade para recomeçar sua "vida amorosa". Porém um dia em que andava perto a casa em que estava hospedada, encontra Midas, um garoto cujo pai havia se suicidado quando ele ainda era novo. Mas entre este complicado “triangulo" amoroso, o caso raro de Ida vai se alastrando. Será que Ida vai conseguir a cura? Ou será que Ida será apenas mais um pessoa que Midas amava, mas partiu para sempre?

O livro é... Fantástico! As paisagens que são descritas... A trama... Os personagens são cativantes, tudo! É maravilhoso! Um livro perfeito para se ler no inverno... Em dias de chuva... Com uma boa musica acompanhando... Sugiro Fairyland da Angelzoom ou Eyes on Fire do Blue Foundation.



Ida: ” Uma garota estava sentada, tranquila, em uma rocha lisa. Por algum motivo, ele não a havia visto. Ela parecia ter saído de um filme dos anos cinquenta. A pele clara e o cabelo loiro eram tão pálidos que pareciam monocromáticos”

Midas: ” Ele abanou as mãos em um gesto vago. Essa pergunta complicada o preocupava com frequência. O que as outras pessoas não conseguiam entender é que fotografia não era um trabalho, um hobby ou uma obsessão; era simplesmente tão fundamental para sua interpretação do mundo como o efeito da luz mergulhando em sua retina.”

“Você pode ter mergulhado nas profundezas do mar, escalado os Alpes suíços e saltado de bungee jump, mas, se ainda não conhece os cenários fantásticos das ilhas de A Garota dos Pés de Vidro, ainda não viajou o bastante.”

- Santiago Nazarian.

Eis as Musicas


Olaaa!

Finalmente! Depois de ter abandonado dois livros eu consegui achar um livro que me satisfizesse, comprei-o ontem em uma promoção da Saraiva, o nome é: As Memórias do Livro. O livro é inspirado em uma historia real de uma encadernadora em busca da origem do manuscrito de Sarajevo.

Eu estou gostando bastante do livro e em apenas cinquenta paginas que já li, achei duas frases muito interessantes, quer dizer não são nenhum "ser ou não ser eis a questão", mas são “legazinhas”, eis as frases:

“O engraçado era que qualquer pessoa em Viena que não carregasse um instrumento musical era um pianista, um harpista ou um espião estrangeiro."

"Filhos são definitivamente um luxo da meia - idade, em minha opinião."

Bem, já que estamos falando de livros novos... Estou fazendo uma listinha de livros que eu quero ler. E eu gostaria muito mesmo que vocês dessem suas opiniões.

1- A Solidão dos Números Primos.

2- Circo da Noite

3- Garotas de Vidro

4- Cruzando o caminho do Sol

5-A Casa das Orquídeas

6- Um mundo brilhante

7- A Pequena Abelha

8- Os Magos.

9- Constantina

10- No país da Sombras Longas.


A todos os amantes do nosso querido "escritor seller" - escritor que todas as obras são best-sellers - Nicholas Sparks, tenho uma noticia que vai deixar todos vocês de boca aberta! A Saraiva está vendendo Nicholas Sparks por apenas R$12,90! Sim! Todas as obras por doze e noventa! São livros de bolso, mas a tradução NÃO foi prejudicada, o fato de ser mais barato é que as capas não são "duras" e as paginas são feitas de um papel parecido com o de jornal o que, deixa o livro mais barato.


Quem me conhece sabe que a pouco tempo estive no Rio e como não sou e não pretendo ser uma boa turista, deixei o Cristo e o bondinho de lado e fui "bater perna" no centro para ver se encontrava algum sebo. Bem, a quantidade de sebo no centro do Rio é menor do que eu pensava, eu encontrei apenas dois. Um que eu realmente não me lembro onde era porque quando eu me deparei com ele estava totalmente perdida e um que bem, não chega a ser um sebo acho que é mais uma "sebanca" - sebo + banca- e o que eu achei "insanamente fantástico" foi que todos os livros custavam apenas tcham tcharam ram.... R$1,OO!! Siim! Apenas um real! Ele fica entre a rua da Carioca e a Praça Tiradentes e uma dica importante é para não comprar nenhum livro que você desconheça o autor, porque a "sebanca" - oh God, amei essa palavra- é beeeeem, exotica em questão de autores e, posso dizer - por experiência própria - quem nem todos são bons.

Outro lugar "insanamente fantástico" é a loja do Jorge, bem esse não é o nome oficial, mas o nome oficial vocês podem saber depois. Essa lojinha, também no centro do rio, vende vinis e, parece ser um pedacinho dos anos 70 em pleno 2012. Estava andando, tentando encontrar um sebo que não existia - Arrrrggh!!- e de repente escuto um Like a Virgin, no meio do caus total. Paro, olho para cima e vejo no primeiro andar de um prédio; uma janelinha com discos e cd's dependurados e com um enorme anuncio: VENDEM-SE VINIS, CDS, AGULHAR E APARELHOS PARA VINIL, não pensei nem uma vez antes de entrar por aquele predio tão... macabro que faltava apenas um aviso escrito: NÃO ENTRE AQUI, ASSASINO A SOLTA... Mentirinha hahaha, não tinha nenhum assassino a solta!! La dentro é quase um paraíso para amantes de música popular, de pop e bem... Não tinham muitos vinis de rock, mas saí de lá com um vinil do Legião Urbana, estava feliz!

Outro tesourinho que tem no Rio é uma galeria enorme que tem em Copacabana, para amantes de antiguidades - como eu - é O paraíso, a galeria é apenas de antiguidades - tirando por uma ou duas lojas que não são- claaaaro que eu tive que levar uma lembrança daquele portal para o paraíso para casa!

Uma coisa bem interessante no centro do rio é a quantidade de vendedores de vinis, assim de esquina em esquina tem pelo menos dois com caixas de vinis no chão oferecendo... é assim.... "insanamente fantástico".

Eis os endereços para curiosos turistas ou mesmo para os que moram ai e não tem tempo de apreciar essas peculiaridades:

Loja do Jorge

CLASSIC DISCOS - www.loja.classicdiscos.com.br/- MP. Ref. n° 55.
Raridades em CD's e LP's, popular e clássicos; Mais de 20.000 títulos na loja.
Compra, venda e importação. Rua Sete de Setembro, 176, sobreloja 10/11 - Centro -RJ. (Entre Praça Tiradentes a Rua Ramalho Ortigão). Eu acho que é essa ai, basta olhar para cima, se tiver cd's ou vinis pendurados... PARABENS! VOCÊ ACHOU A LOJA DO JORGE!


Antiquários: Rua Siqueira campos, 143, Copacabana.

Quem, nunca pensou em encontrar o amor da sua vida? Bem, em algum momento do "com quem será" já no seu décimo quinto aniversario você provavelmente já pensou nesta possibilidade. Então em um belo dia você o encontra, em uma festa de faculdade ele é bonito, forte, atraente, jogar poker com os amigos, fuma e faz bastante sucesso com as garotas. Por sorte, azar ou destino vocês tem uma noite de amor, mas se tornam melhores amigos e no dia seguinte, seguem caminhos totalmente diferentes. O que você estaria fazendo no mesmo dia em que se conheceram? Estaria com ele? Estaria com outro? Sozinha? Ou estaria até mesmo casada (o)? Este é basicamente todo o enredo deste livro de, David Nicholls.
Um dia, caiu em minhas mãos por um acidente. No dia que eu estava embarcando para o Rio deixei - sem querer- no taxi o livro que estava lendo: A Ponte invisível e mesmo viajando eu não poderia passar uma semana sem ler, ou pior embarcar em um avião sem um livro... O jeito foi comprar o livro de ultima hora no aeroporto mesmo. Entre inúmeros best-sellers fui pela sorte, optei pela capa que mais me chamava atenção - clichê - e la estava ele, ao lado de Na Estrada (um livro que, em caso de outro acidente similar a este no aeroporto, acho que será a minha escolha).
O livro é horrível, me deprimiu desde a pagina 1 até a ultima - que eu não lembro o numero - porém, isso mostra uma "super competência", um "super talento" de David Nicholls - sim- porque para um escritor conseguir fazer você sentir como os personagens ele tem que ser no mínimo, muito "fodastico".
P.S - ATENÇÃO, ALERTA, AO LER ESTE LIVRO VOCÊ VAI ACHAR QUE TODAS AS PESSOAS QUE TRABALHAM NO MCDONALD’S, BUGUER KING, BOB'S E DERIVADOS SÃO DRAMATURGOS FRACASSADOS, COM IDEIAS REVOLUCIONARIAS RIDICULAS, QUE QUEREM MUDAR O MUNDO MAS QUE NUNCA CONSEGUIRAM EMPREGO MELHOR QUE AQUILO.
P.S.S - eu não sei porque mas a musica Paris da Lana Del Rey me lembra muito este livro
Eis o vídeo.
 P.S.S.S : Não, no livro ninguem vai para Paris.

Elly estava sem suas botas – grandes de mais para seus pequeninos pés – e com um vestido verde mar tão curto que mal tampavam suas roupas intimas. Sua pele era realmente muito branca e, não apenas branca, mas também pálida e, por causa do sol; suas bochechas e seu nariz ficaram vermelhos. Seus cabelos; totalmente pretos em cachos sedosos e grandes estavam caído em seus ombros.

Ela odiava dramaturgos, escritores e qualquer um que criticasse o capitalismo, mesma que a propria Ell’ não soubesse o que fosse o capitalismo ou o grande monstro do socialismo.
Em noites de festa, Ell’ ouvia seu pai - diretor do banco - dizer que certo grupo de homens e mulheres, formado por Pierres, Alexandres e Emanuelles pretendiam fazer uma revolução - inaceitavel! Ridículos! Coisa de quem não tem berço!- e nessas conversas que aconteciam dentro do escritorio do pai entre whiskys e charutos ouvia a palavra socialismo, como um monstro, uma coisa de quem não tem berço.
Com seus cabelos da cor da noite, seus olhos azuis e sua pele branca, quase palida Ell’, Ellizabeth Moreato não se importava de não ser inteligente, de não estar promovendo uma revolução ou não estar assinando contratos importantes para a paz. O fato de ser apenas mais um rosto jovem e bonito do Dragons aos sabados a noite e de ser noiva do futuro presidente do banco a deixava parcialmente feliz, a familia orgulhosa e o mais importante: conseguia uma posição de destaque na igreja, em festas e, futuramente com a corte Inglesa.

Follow by Email

Sobre o blog

Ola,
Bem, neste blog irei reunir minhas três grandes paixoes: Literatura, musica e fotografia! Também vou colocar alguns textos que eu mesmo escrevo.
Bem, espero que vocês gostem, comentem e se inscrevam!
Beijooos! ;D

Seguidores